shopping_cart 0 Itens no carrinho

Representante Autorizado:

(51) 3423-2958

(51) 99844-8901

Volume de vendas de máquinas agrícolas surpreende

(11/09/2020) - Em contraste com a maioria dos segmentos da indústria de máquinas e equipamentos, as vendas de máquinas e implementos agrícolas estão em trajetória de alta no mercado interno, impulsionado pelo bom momento da agricultura brasileira. De acordo com dados do IBGE, a safra nacional de grãos deverá bater novo recorde em 2020 e chegar a 247,4 milhões de toneladas - 6 milhões de t acima da colheita de 2019.

No mês passado, quando da apresentação do balanço do primeiro semestre pela Abimaq, a entidade previa, para este ano, aumento de 5% nas vendas de máquinas agrícolas no mercado doméstico. Estimativa agora considerada tímida, após a apuração dos dados de julho, quando se verificou crescimento de 16% nas vendas sobre o mês anterior e de 39% sobre as vendas de julho de 2019 (momento em que o setor enfrentava dificuldades na área de financiamentos, com o atraso na liberação do Plano Safra).

Vale lembrar que os números divulgados pela Anfavea - que apontaram alta nas vendas de 1,9% no acumulado janeiro-julho de 2020 sobre o mesmo período de 2019 -, referem-se apenas às vendas de máquinas agrícolas propulsadas (no caso da Abimaq, estão inclusos os implementos agrícolas), às quais ainda estão somadas os negócios realizados com máquinas rodoviárias.

“O mercado de máquinas agrícolas está mais aquecido do que se esperava”, comentou José Velloso, presidente-executivo da Abimaq, lembrando que as vendas do segmento no acumulado janeiro-julho registraram alta de 8,9% sobre o mesmo período de 2019. “Estamos revendo as previsões para o segmento de máquinas e implementos agrícolas para 2020. Hoje, acreditamos que o crescimento pode chegar a 10%”.

Segundo Velloso, o aumento de demanda tem levado inclusive algumas fabricantes a terceirizar serviços, como os de usinagem. “A indústria de máquinas e equipamentos já recuperou os níveis de emprego que tinha em dezembro de 2019, em grande parte graças às contratações realizadas pelo segmento de máquinas e implementos agrícolas”, afirmou. “A agricultura é uma benção”.

Confira também:

Dolarização é obstáculo à retomada no setor plástico

Parceria entre Fast Service e Kolb